Leonilson ganha catálogo raisonné que reúne 3.400 registros do artista plástico

On 19 de junho de 2017 by Ze Ronaldo

Um dos artista mais importantes da arte brasileira, o cearense Leonilson (1957-1993) ganha catálogo raisonné, tornando-se o primeiro artista contemporâneo brasileiro a ser contemplado com uma obra dessa natureza. A publicação, que conta com o patrocínio da Fundação Edson Queiroz, reúne 3.400 registros do artista plástico, entre obras, estudos e projetos realizados ao longo de toda a sua carreira. O lançamento será realizado em cerimônia no dia 30 de junho, no Espaço Cultural Unifor, da Universidade de Fortaleza, que recebe atualmente a exposição Leonilson: arquivo e memória vivos, já visitada por mais de 25 mil pessoas e em cartaz até 9 de julho.

Nos dá vontade de tomar um avião e ir até Fortaleza só para ver essa exposição.

Em edição bilíngue, a publicação é dividida em três volumes, percorrendo toda a produção do artista em ordem cronológica – anos 1970, 1980 e 1990. Cada registro é acompanhado de imagem, dados técnicos, histórico de exposições e bibliografia. O raisonné terá uma tiragem de apenas 2.000 exemplares, publicados pela editora do Projeto Leonilson, idealizador e realizador do catálogo.

“Foram dois anos de trabalho com dedicação exclusiva à produção do catálogo raisonné: descobrimos obras não catalogadas, identificamos coleções, catalogamos aproximadamente 100 exposições novas e mais de 500 bibliografias, considerando livros, catálogos, jornais, revistas e produções acadêmicas”, pontua Ana Lenice Dias, presidente do Projeto Leonilson e irmã do artista. “Montamos um raisonné pensando no Leonilson, que sempre se apresentou a seus espectadores como um artista completo. Esta é uma publicação que mostra não apenas toda sua produção, mas todo seu processo criativo”, completa.

“Ao patrocinar o catálogo raisonné de Leonilson, a Fundação Edson Queiroz reforça seu compromisso de promover o talento de artistas cearenses, a exemplo da exposição individual do referido artista realizada no Espaço Cultural Unifor. Estar à frente dessa publicação consiste em um trabalho de suma importância para as artes visuais, uma vez que divulga e perpetua a criação de um grande artista como Leonilson”, afirma o vice-reitor de extensão e comunidade universitária da Universidade de Fortaleza, professor Randal Pompeu.

Foto Divulgação

Catálogo de Leonilson

Comentários