Arnaldo Danemberg Antiquário é um dos destaques da 32 ª edição da CASACOR SÃO PAULO 2018

On 25 de maio de 2018 by Ze Ronaldo

Um dos destaques na CasaCor São Paulo 2108 são objetos de arte e as peças do Arnaldo Danemberg Antiquário, que estão presentes em vários ambientes selecionamos alguns que podem ser vistas nos espaços dos arquitetos Dado Castelo Branco, Clarisse Reade, Luiz Otávio Debeus, Gustavo Paschoalim entre outros.

Com o tema, “Casa Viva”, a mostra deste ano traz a casa como refúgio metal, físico e espitual, além de valorizar a integração com a natureza. Conhecido pelas peças garimpadas por países como França, Portugal e Inglaterra, o antiquário, que acaba de completar três anos em São Paulo, tem parte de seu acervo compondo a ambientação de 12 diferentes ambientes na mostra paulista. É a oportunidade de ver de perto como alguns dos grandes nomes da arquitetura e design de interiores incorporam a peça de antiquário à decoração.

Assim, mesas, cadeiras, espelhos, poltronas e até um cavalo de carrossel do século XIX, garimpadas a dedo, passando por detalhado processo de restauro ao chegar no Brasil, estão entre as eleitas pelos profissionais. Abaixo, mais detalhes sobre os destaques encontrados em cada ambiente.

Fotos Divulgação

Acervo Arnaldo Danemberg

Acervo Arnaldo Danemberg

Luiz Otávio Debeus – Cavalo de carrossel francês em madeira pintada, esculpido em sinuosos movimentos,
sobre base em madeira (posterior) | França, Séc XIX.


Gustavo Paschoalim – Mesa portuguesa em madeira clara acetinada
(pinho), estrutura retilínea, tampo retangular, seis
pernas quadrangulares, plataforma inferior. Móvel de ofício e de cunho campesino, remanescente de alfaiataria portuguesa. Portugal, cerca de 1900.
Alt.: 0,80m – Comp.: 2,53m – Prof.: 0,80m

 

O antiquário Arnaldo Danemberg

Acervo Arnaldo Danemberg

Acervo Arnaldo Danemberg

Acervo Arnaldo Danemberg

Dado Castelo Branco – Mapoteca francesa em Pinho de Riga, estrutura retilínea, tampo retangular. Caixa contendo duas gavetas no mesmo registro superior e três gavetões com puxadores em madeira torneada (originais), pernas retas e lisas, amarração. Móvel de cunho citadino e provavelmente de ofício. França, cerca 1900.

Comentários