Após reformas o francês Bagatelle apresenta três novos ambientes

/, Notas/Após reformas o francês Bagatelle apresenta três novos ambientes

Após reformas o francês Bagatelle apresenta três novos ambientes


 Sucesso desde a abertura, o Bagatelle trouxe uma proposta diferente e inovadora para o Rio de Janeiro: um autêntico dinner party. Original de Nova Iorque, o restaurante francês promete tornar a experiência ainda mais espetacular com a renovação do cenário.

Localizado na disputada tribuna social do Jockey Club – um dos principais cartões postais da Cidade Maravilhosa -, a casa renova seu espaço e passa a oferecer três ambientes distintos para o público curtir a noite. Sob o comando do francês Ilan Dray , com passagem por renomadas casas em St. Barth, Saint-Tropez, Paris e Sydney , o Bagatelle oferece experiências no salão principal, no private roome no novo bar com confortável balcão para degustação e mesas de bistrô. Nas caçarolas, o chef Ignácio Peixoto é o responsável por apetitosas novidades, preparadas com insumos frescos e sazonais. Para completar, o restaurante traz nova carta de drinks, músicas e fantasias surpresas.

Reconhecido pelo seu talento, o chef Ignácio Peixoto traz opções contemporâneas combinadas com o preparo clássico de técnicas francesas de cozinha. No novo menu aparecem releituras como as entradas La Niçoise – atum semi cru, tomate, folhas, batata, anchoiade, ovo e azeitona preta (R$ 52) – e o Carpaccio de Saint Jacques – vieiras laminadas, lichia, brotos de rabanete (R$ 58).

Entre as sugestões de prato principal, há o tenro magret de canard grelhado com especiarias, endívia confit, castanha do Brasil, uva, jus de pato ( R$ 76). Outra delícia é o suculento Chateaubriand Rossini  – medalhão de mignon, escalope de foie gras, purê trufado e demi glace (R$118). Para os amantes de frutos do mar, a novidade é o Poulpe Entre Terre et Mer – polvo grelhado, batata doce assada, presunto de Parma e tomate assado (R$ 82).

O chef também reservou espaço para seus clássicos como o Steak de Thon et son Chou-Fleur Grillé – atum selado, leve purê de couve flor tostada, vinagrete (R$ 69).

Para finalizar, o delicioso Mille Feuilles Banana (R$ 26) ou o tradicional Creme Brulée (R$ 24) são ótimas sugestões.   

A carta de drinks também foi renovada e promete originalidade, como é o caso do famoso Moscow Mule. Foi o Bagatelle que apresentou a bebida para o Rio de Janeiro e, mais uma vez, se firmou como pioneiro em lançar tendências. O drink da canequinha, como carinhosamente é chamado, se tornou o queridinho do público desde então. 

Bagatelle Rio
Praça Santos Dumont, 31, 2º andar – Gávea – Jockey Club

Ilan Dray e Ignácio Peixoto

Bar Bagatelle

private room

 

 

 

Comentários