Marcus Alvisi é o nosso convidado do domingo para o “Quarenta Views”

//Marcus Alvisi é o nosso convidado do domingo para o “Quarenta Views”

Marcus Alvisi é o nosso convidado do domingo para o “Quarenta Views”


Marcus Alvisi é um homem do teatro. Um pesquisador que procura ao seu redor não só a ideia de um bom espetáculo, mas também de contribuir para uma estória tanto pessoal e coletiva. Uma estória dinâmica e contemporânea. Experimenta e se joga nesse jogo teatral ora participando de dentro ou de fora. Ator e diretor ele busca a construção do personagem e do espetáculo e é talentoso nas duas funções 

 Nessa busca ele vai a todas as direções seja no palco, no cinema, na televisão e agora nas mídias digitais. Tem um tempo longo o seu próprio como todo pesquisador. Um cientista teatral. Marcus Alvisi é dono de uma carreira consagrada, quando a pandemia chegou a peça “A Verdade“ que ele dirigia , do autor francês Florian Zeller com o ator Diogo Vilela estava com suas sessões lotada em São Paulo. Depois, de fazer grande sucesso no Rio de Janeiro no Teatro Maison de France.

Conversamos sobre esse momento “Pandemia” e o sua rotina nada teatral.

 
1) COMO ESTÁ SENDO SUA ROTINA NESSES TEMPOS DE QUARENTENA?
 Normal. Continuo a dar aula pelo ZOOM. Minha rotina não mudou muito. Tenho pedido comida e às vezes cozinho.
 
2) VOCÊ ESTABELECEU UMA ROTINA?
Sim. Leio diariamente os livros que os amigos escreveram. Organizo as aulas, pois mudou, o que era aula prática virou teórica.
 
3) O TEATRO SEMPRE ESTEVE PRESENTE EM QUALQUER TEMPO O QUE É IMPORTANTE QUANDO O TEATRO ENFRENTA UMA CRISE COMO É ESSA QUE O DISTANCIAMENTO SOCIAL É REQUERIDO?
Necessário o teatro se distanciar como todas as atividades que reúnem pessoas
 
4) VOCÊ É UM HOMEM DO TEATRO?
Sim. Sou um homem de teatro substancialmente, embora tenha trabalhado na televisão por um bom tempo.
 
5) OS OUTROS FORMATOS DE DA EXPRESSÃO DO ATOR, TV E CINEMA TE INTERESSA E AS NOVAS MÍDIAS, INTERNET E LIVES?
Sim. Me interesso por todas as mídias. A televisão, o cinema e agora a internet com todas as possibilidades que ela oferece.
 
6) O ESPETÁCULO ” A VERDADE” QUE VOCÊ DIRIGE COM DIOGO VILELA TEM PLANOS DE VOLTAR. 
Temos planos de voltar no Rio. Porém, ainda dependemos de patrocínio para isso acontecer.
 

O espetáculo ‘A Verdade ” de Florian Zeller com Diogo Vilela, Claudia Ventura, Carolina Gonzalez e Paulo Trajano Foto Dalton Valério

 
7) OS MONÓLOGOS,  VOCÊ DIRIGE E ATUA SÃO UMA MANEIRA DE DRIBLAR ESSE MOMENTO E  FAZER.
Poderia, mas como é muito trabalhoso remontá-los não estão nos meus planos fazer isso agora.
 
8) TEATRO EM CASA É UMA APOSTA TAMBÉM 
Talvez, se isso, essa pandemia, se estender. Mas teatro é uma atividade na qual é impossível fazer sozinho. Por isso teria que ser muito bem elaborado entre as pessoas envolvidas.
 
9) O TEATRO TEM MUITO DE SER UMA ARTE COLETIVA DO GRUPO DO TEATRO DA TRUPE COMO VOCÊ E SEUS AMIGOS COMO TEM REAGIDO A VEREM UMA MINISTRA DA CULTURA COM AÇÕES TÃO PRECÁRIAS NESSE ASPECTO. 
A ministra da cultura está onde? O que ela fez até agora? Nada! Parece, que não existe resposta a essa pergunta.
 
10) NADA AINDA SOBRE O FUNDO NACIONAL DA CULTURA EXISTE UMA AÇÃO COLETIVA PARA COBRAR DA MINISTRA UMA ATITUDE.
Somente a ministra poderá responder a essa pergunta sobre o FNC. Está existindo uma ação ainda muito tímida sobre a liberação desse fundo na internet. Mas nada de concreto ou substantivo.

Marcus Alvisi

 
 

Comentários