Roge Ferro o ator ícone do pornô nacional quer entrar na política

/, RaioX/Roge Ferro o ator ícone do pornô nacional quer entrar na política

Roge Ferro o ator ícone do pornô nacional quer entrar na política


O mais famoso ator de filmes adultos do Brasil abandonou a carreira para viver um grande amor e agora se prepara para se lançar na carreira política.

Roge Ferro abandonou a carreira artística em 2015, mas seus filmes continuam em alta, graças aos sites de vídeos eróticos da internet. Com um currículo de  mais de 2.000 cenas de sexo heterossexual  Roge Ferro se tornou o mais conhecido e desejado astro masculino do gênero. Nascido e criado em Petrópolis,  fez seu primeiro filme em 1998 e logo se destacou no meio, não apenas pela beleza física, mas também pela sua desenvoltura como ator.

– Sempre busquei ser um profissional completo. Não bastava chegar lá e simplesmente transar com minha parceira. Gostava de criar um personagem e mudar de estilo de uma cena para outra, para não me tornar repetitivo e deixar a cena mais interessante. Acabei conquistando o público.

Roge Ferro

 

Seu talento o levou a fazer trabalhos para as principais produtoras de vídeos adultos do Brasil e do exterior: Brasileirinhas, Buttman, Playsexx, Evil Angel e Reality Kings, entre outras. Com o resultado do seu trabalho comprou o apartamento onde mora, construiu uma casa para sua mãe e conseguiu juntar algum dinheiro. Mesmo agora, quando está prestes a completar 50 anos, ainda é convidado para fazer vídeos adultos, mas recusa todos os convites.

– Conheci uma mulher, me apaixonei, descobri que ela era minha alma gêmea e resolvi casar. Tivemos uma filha linda, que é a razão da minha existência. Hoje vivo apenas para minha família. Abandonei o sexo. Não faço mais sexo, faço apenas amor com a minha esposa. E isso é algo muito especial.

Roge Ferro em ação

Roge Ferro agora se dedica a desenvolver projetos pessoais. Está levantando recursos para a produção de um filme contando a história de sua vida, em sociedade com a produtora Paula Barreto, da LCBarreto. Escreve um livro de memórias, contando bastidores e aventuras da produção de vídeos adultos no Brasil. E negocia com um partido político para se lançar na carreira política.

– Sempre quis fazer carreira política, mas sentia que precisava amadurecer. A eleição do Alexandre Frota como deputado federal me estimulou, pois mostrou que o eleitor não é preconceituoso. Meus vídeos estão rodando na internet o tempo inteiro, então penso que vou ficando cada vez mais conhecido, inclusive pela nova geração. No Instagram tenho seguidores suficientes para me eleger para um cargo público. Sem falar do meu público no Facebook que cresce a cada dia.

Roge é articulado, fala bem e, aparentemente, não terá problemas em expor suas ideias em palanques, debates e lives na internet. Mas, o que o ator pornô teria a propor para o progresso e bem estar da sociedade brasileira?

– Pretendo defender questões sociais. Sou um homem do povo. Um cara que se fez por si próprio. Conheço a dureza da vida. Quero levantar a bandeira do saneamento básico. Penso que os recursos do fundo partidário deveriam ser utilizados para esse fim. Acho que precisamos fazer uma reforma administrativa para diminuir a quantidade de políticos. A câmara federal não precisa ter 517 deputados. Dez por cento disso ainda seria muito. Tudo isso consome muito dinheiro público que poderia ser utilizado em benefício do povo.

Roge Ferro

Quando fala de seus projetos políticos Roge Ferro se entusiasma e chega a ficar emocionado. Mas o povo brasileiro anda muito desconfiado de quem é político, por causa dos casos de corrupção e desvios de verbas. Mas o ator é firme ao lidar com essa questão.

– Sou uma pessoa honesta. Tenho valores e princípios. Quando comecei a fazer vídeo adulto, muita gente me aconselhou a mudar de ramo, alegando que era um ambiente promíscuo, marginal, que tinha muito consumo de drogas. Tem mesmo esse lado. Mas eu fiz minha carreira profissional nesse ramo e nunca me envolvi em nenhuma parada errada, nunca consumi drogas, nunca fui desonesto com meus colegas de trabalho, sempre tratei com respeito as atrizes com quem contracenei, sempre fui correto com minhas produtoras e meus diretores. A mesma coisa com a política. Minha referência no assunto é o Sergio Moro. Penso como ele. Acho que a gente tem sempre que fazer a coisa certa. Pelos motivos certos e do jeito certo.

Roge Ferro

 Com colaboração de Waldir Leite 

Comentários