“XÔ CORÔ” É A LIVE EM HOMENAGEM AOS “MAMONAS ASSASSINAS” EM PROL DA AÇÃO DA CIDADANIA E DO FUNDO SOCIAL DE SOLIDARIEDADE DE GUARULHOS

/, Notas/“XÔ CORÔ” É A LIVE EM HOMENAGEM AOS “MAMONAS ASSASSINAS” EM PROL DA AÇÃO DA CIDADANIA E DO FUNDO SOCIAL DE SOLIDARIEDADE DE GUARULHOS

“XÔ CORÔ”  É A LIVE EM HOMENAGEM AOS “MAMONAS ASSASSINAS” EM PROL DA AÇÃO DA CIDADANIA E DO FUNDO SOCIAL DE SOLIDARIEDADE DE GUARULHOS


Após a confirmação de Fabio Porchat, Angélica, Preta Gil, Marcelo Adnet, Marisa Orth, Marcos Veras, Paulo Ricardo e Sidney Magal na mega live beneficente em homenagem aos Mamonas Assassinas, agora é a vez de Alok, Carolina Dieckmann, Giovanna Antonelli, Edson Celulari, Ingrid Guimarães, Tom Cavalcante, Nanda Costa e Latino aderirem ao evento. Além desses nomes, outras personalidades irão participar do tributo aos músicos de Guarulhos, que irá relembrar músicas inesquecíveis como ‘Pelados em Santos’, ‘Robocop Gay’, ‘Vira-Vira’ e ‘Sabão Crá-crá’.

‘Xô Corô’ é o nome da transmissão que irá levantar recursos para o combate das consequências da COVID-19, em prol da Ação da Cidadania e do Fundo Social de Solidariedade de Guarulhos. A mega live irá acontecer no domingo, 23 de agosto, às 17h, no canal oficial dos Mamonas no YouTube, e será apresentada pelo ator e cantor Ruy Brissac que interpretará Dinho no filme e na série ‘Mamonas Assassinas’. Ruy também foi o protagonista de ‘O Musical Mamonas’.

Os Mamonas Assassinas

A iniciativa é da Total Entertainment e da Mamonas Assassinas Produções, que vão produzir, em 2021, o filme dos Mamonas ‘O impossível não existe’, além da série para TV. A Figtree & Co assina a direção artística, conceituação e roteiro da live. “Uma live como homenagem póstuma é uma incoerência maravilhosa, que tem tudo a ver com o filme dos Mamonas ‘O impossível não existe'”, diz Ricardo Figueira, sócio-fundador da Figtree & Co.

O irreverente repertório dos jovens será cantado por eles e pelos convidados em uma viagem repleta de muita emoção. Durante a apresentação, serão exibidos momentos inéditos da banda, além de dez clipes editados.

“Eles (os Mamonas) eram muito além de uma banda. Foi realmente um grupo que quebrou todos os paradigmas, com muita personalidade. Eram muito autênticos! Pode ter certeza que se eternizaram nos corações dos brasileiros. Eles me inspiram muito e inspiram vários outros artistas também”, ressalta Alok, um dos participantes da live.

Os Mamonas Assassinas, formado por Dinho, Samuel, Sergio, Bento e Julio, despontaram para o sucesso em 1995, com a repercussão da canção ‘Pelados em Santos’, que fez o grupo virar um fenômeno entre adultos e crianças. Foram mais de dois milhões de cópias vendidas de um único disco, uma média de 30 apresentações por mês e sete meses de grande sucesso, interrompido por um desastre aéreo que matou todos os músicos há 24 anos.

Serviço:

 Mega live ‘Xô Corô’

23 de agosto, às 17h, no canal oficial dos Mamonas no YouTube: 

https://www.youtube.com/mamonasassassinas

 

Comentários